A menina Allicya Baião de Oliveira, de apenas cinco meses, foi morta na madrugada deste domingo, 28, por volta das 4h30, após ser arremessada pelo próprio pai de um barranco de aproximadamente cinco metros de altura, em Itamaraju, extremo sul do Estado.

O pai Alacides Barbosa de Oliveira, de 24 anos, que é usuário de crack, estava brigando com a mulher, Genilda de Oliveira Baião por conta da venda de uma cama para compra de drogas, e durante a discussão, pegou o bebê e o jogou de um barranco perto da casa.

O crime aconteceu na Rua Uruçuca, nº 225, no bairro São Domingos. O acusado fugiu após o crime e o corpo da menina foi levado para o Departamento de Polícia Técnica da cidade. De acordo com policiais da delegacia de Itamaraju, o assassino já tinha registro na polícia por porte ilegal de arma, chegou a ser preso, mas conseguiu fugir em novembro de 2008.
Fonte: Ubaitaba Urgente