Está nas mãos do STF um possível alívio no caixa da Liderança Capitalização, do Grupo Silvio Santos. Explica-se: a empresa luta há anos para deduzir do Imposto de Renda o valor pago pela Contribuição Social sobre o Lucro. Sem sucesso na Justiça Federal de São Paulo, a Liderança ainda tem uma esperança: o STJ acaba de decidir que a palavra final da questão caberá ao Supremo.

Por Lauro Jardim