Ari: “foi uma falta de respeito muito grande”.

Promete terminar na Justiça o atrito causado pela produção do músico paraibano Zé Ramalho com o vocalista do Cacau com Leite, Ari PB, no último sábado (4), na apresentação no Boca Du Mar, em Ilhéus.

Ari PB entoava a primeira música quando foi obrigado, pelo produtor de Zé Ramalho, a encerrar a apresentação especial. “Foi uma falta de respeito muito grande comigo e com o público”, disse o vocalista do Cacau com Leite ao PIMENTA.

Ari subiu ao palco ainda na apresentação de Zabumbahia, e cantavam Morena Tropicana. Foi quando o produtor levantou o braço e mostrou o relógio, indicando que deveria acabar ali a apresentação. “Eu perguntei se ele era o dono da casa”. O produtor nada respondeu.

O músico do Cacau com Leite disse não ter entendido a falta de profissionalismo do produtor de Zé Ramalho e, por isso, ainda cantou Volte logo, sucesso da banda itabunense. Foi ovacionado, mas teve que encerrar a apresentação especial antes do esperado.

Ari foi ao produtor exigir explicações, quando finalmente descobriu a “ocupação” do moço. “Disse a ele que deveria ter educação e ser mais profissional, pois o que ele fez não condizia com o posto de produtor de Zé Ramalho”.

O músico grapiúna acionou a sua advogada para que entre com processo judicial contra o produtor. “Espero que a Justiça seja feita. E que ele não faça mais isso nem comigo nem com ninguém”. Eu precisava esclarecer isso ao meu público.

Fonte: Pimenta na Muqueca