Em maio passado, Agilson Muniz foi afastado do cargo de prefeito de Ubatã. Assumiu em seu lugar, Edson Neves, 2º colocado nas eleições municipais. Vários burburinhos nesses últimos meses, e muitas dúvidas e incertezas pairam sobre o processo que definirá o prefeito da cidade.

A cidade também vive esta incerteza no que se refere à definição de quem irá governá-la nos próximos dois anos. Alguns pais de alunos até já externaram a preocupação de mudanças constantes nas direções de escolas e também de professores.

Infelizmente, justiça e morosidade são indissociáveis. A população ubatense espera um desfecho para o caso o mais rápido possível. Afinal, a cidade não pode parar. A audiência foi adiada terça-feira passada (25/01). E agora? Será que vai? Acompanharemos a decisão do TRE-BA hoje (01), a partir das 17h.

Redação Ubatã Notícias