Ontem (27), por volta das 8h, o comerciante ubatense Nery quase foi agredido fisicamente por vender carne por um preço bem abaixo dos concorrentes, na Feira de Japumirim, distrito de Itagibá.

O comerciante ubatense vendia o seu produto por um preço que ficava entre R$ 6,00 e R 11,00, enquanto a concorrência, com um preço bem acima, comercializava a carne por um preço a partir de R$ 12,00.

O preço do produto do comerciante ubatense logo trouxe ciúme e inveja. De acordo com Rogério Basílio, vários comerciantes chamaram a ADAB e a polícia para denunciar Nery. No entanto, o ubatense apresentou os documentos referentes ao abate do gado.

Nery informou a Rogério Basílio que tomará providências, para que ele (Nery) possa continuar comercializando a carne na feira de Japumirim. Só falta agora os comerciantes de feira querer formar um cartel de preços. Que absurdo!

Redação Ubatã Notícias