Cinco traficantes de animais silvestres presos, 207 aves silvestres e três micos resgatados foram o saldo da operação de combate ao comércio e tráfico ilegal de animais silvestres concluída no final da tarde desta quinta-feira, 3, pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e Recursos Renováveis (Ibama) na região Sudoeste do Estado. Os animais da fauna silvestres brasileira eram comercializados em feiras-livres dessas cidades. Alguns foram localizados num depósito e o responsável pelo crime fugiu, segundo a polícia.
Além dos agentes ambientais federais do Ibama, a ação, desenvolvida nos municípios de Poções, Jequié, Vitória da Conquista, Barra do Choça, Milagres, Itatim e Santo Estevão, teve o apoio de policiais militares e da CIPE-Sudoeste (antiga Companhia de Operações Especiais).
Os presos, todos alcançados em Poções – cujos nomes não foram divulgados – foram encaminhados para lavratura de flagrante delito na Delegacia de Polícia Civil daquela cidade. Também foram aplicadas multas no valor total de R$ 256 mil e todos foram indiciados conforme a Lei de Crimes Ambientais, 9.605/98.
Todos os animais apreendidos foram encaminhados para o Cetas, Centro de Triagem de Animais Silvestres de Vitória da Conquista. Depois do período de quarentena, os animais serão devolvidos ao habitat natural.
Fonte: A Tarde