A audiência que definirá a permanência de Edson Neves ou a volta de Agilson Muniz ao executivo municipal dificilmente acontecerá na próxima terça-feira (22). Devido ao falecimento de sua mãe, o desembargador Carlos Alberto Dultra Cintra ainda não retornou às atividades no TRE.
O processo foi colocado em pauta na última terça-feira (15) por solicitação do desembargador. O mais provável é que o processo seja julgado no próximo dia 29. Em breve, daremos uma informação mais precisa a respeito do assunto

Redação Ubatã Notícias