Milena Nascimento – ubatense

Em entrevista ontem (10) ao Fantástico, Leila D’Angelo, professora que estava na primeira sala da Escola Tasso da Silveira, onde houve o massacre, disse que a ubatense Milena (14) era muito inteligente.

– Milena é inteligentíssima. Ela tinha uma característica muito engraçada, que ela falava assim: ‘não, professora, não quero a minha prova, não. Porque eu sei que eu tirei zero’. Ela só tirava dez, – disse a professora.

A morte da ubatense Milena causou grande comoção em Ubatã, visto que vários parentes seus residem na cidade, a exemplo de seus avós, tios e primos. Os principais veículos de comunicação da imprensa baiana estiveram na cidade para entrevistar os parentes da adolescente.

Redação Ubatã Notícias