Ex-prefeito impetrou Ação Cautelar
Consta no site do Tribunal Superior Eleitoral – TSE – um pedido de arquivamento de uma Ação Cautelar impetrada pelo ex-prefeito Edson Neves contra o atual gestor Agilson dos Santos Muniz. O assunto da ação é abuso de poder econômico e captação ilícita de sufrágio nas últimas eleições municipais.

O site do TSE não deixa claro, no entanto, quem pediu o arquivamento da Ação Cautelar, se foi o prefeito Agilson Muniz, a Ministra Cármen Lúcia Antunes Rocha (relatora) ou ainda, o que é menos provável, o ex-prefeito Edson Neves. Antes da ação cautelar, o ex-gestor já havia impetrado um Mandado de Segurança.

O Ubatã Notícias apurou que o ex-prefeito Edson Neves ainda age nos bastidores, numa tentativa de voltar ao executivo municipal. O TSE já frustrou, em duas oportunidades, as pretensões de Neves de retornar à Prefeitura, negando primeiro o Mandado de Segurança e depois a Ação Cautelar.

Redação Ubatã Notícias