Índios reivindicam terras no sul da Bahia

Do Correio

A disputa de terras entre índios e fazendeiros no sul da Bahia será julgada pelo Supremo Tribunal Federal (STF) no dia 9 de maio, segundo informou em coletiva nesta quinta-feira (26) a nova presidente da Fundação Nacional do Índio (Funai), Marta Maria do Amaral. A informação é da reportagem da Globo Natureza.

Amaral tomou posse hoje e substitui Márcio Meira. Ela disse que ainda não tem “conhecimento total sobre o assunto”, mas que a Funai trabalha e vai continuar trabalhando ao lado da Polícia Federal e do governo baiano para preservar a segurança nas fazendas da região em conflito.

Um levantamento do próprio orgão aponta que existem cerca de 60 fazendas ocupadas por índios em Pau Brasil, Camacan e Itaju do Colônia. Embora o conflito exista há mais de 30 anos, as ocupações se intensificaram este ano, o que deixa o clima na região perigoso.