Saúde é um dos setores mais delicados do município

Em entrevista hoje (27) ao Programa Enfoque Geral, da FM Ubatã, o prefeito Edson Neves (PSD) reconheceu que a saúde do município está horrível. Apesar de reconhecer o problema, o alcaide quis – sabidamente – jogar toda a responsabilidade da situação no ex-prefeito Agilson Muniz (PCdoB).

Numa difícil e improvável mistura de consciência e esperteza, o prefeito afirmou que recebeu uma herança maldita da gestão passada, e que não é possível resolver problemas (leia-se simples) como buracos nas ruas e iluminação pública tão rapidamente, esquecendo-se que, contado os dois períodos, já está há mais de 20 meses à frente do executivo.

Ainda de acordo com o prefeito Edson Neves, os salários dos médicos e dos servidores contratados do hospital serão pagos nos próximos dias, e o município vai transferir a verba da saúde para a Agência da Caixa Econômica de Ipiaú, numa espécie de afago no banco estatal pela implantação em Ubatã. O alcaide disse, ainda, que resolverá a situação da saúde do município.

Redação Ubatã Notícias