Estrutura da Micareta está praticamente pronta

Os advogados da Prefeitura de Ubatã, os causídicos Milton de Cerqueira Pedreira e Ednaldo Oliveira Moura, ingressaram hoje (16) com um pedido de Suspensão de Liminar ou Antecipação de Tutela Junto ao Tribunal de Justiça da Bahia. A Prefeitura quer suspender e tornar sem efeito a decisão da Justiça de Ubatã, que cancelou a realização da Micareta que aconteceria a partir desta sexta-feira (18).

O relator da ação de Suspensão de Liminar ou Antecipação de Tutela é o Presidente do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA), o Desembargador Mário Alberto Hirs, que fará a apreciação da ação e deve tomar uma decisão, devido à proximidade da festa, até esta quinta-feira (17). A Micareta só acontecerá se o desembargador cassar os efeitos da decisão da Justiça de 1º grau.

Mesmo com a indefinição quanto à realização da Micareta, diversas pessoas trabalharam hoje para montar a estrutura do evento. A Polícia Militar, inclusive, já divulgou o números de policiais que trabalharão (caso aconteça) no evento. O prefeito Edson Neves (PSD) foi procurado, mas não foi encontrado para comentar o assunto.

Redação Ubatã Notícias