Foto: Blog do Geraldo José

Do Bahia Notícias

Uma mulher se acorrentou na manhã desta terça-feira (5) em frente à prefeitura de Juazeiro para cobrar uma suposta dívida de R$ 319 mil. Em entrevista à Rádio Juazeiro AM, ela contou que é fornecedora da administração municipal e está há 15 meses sem receber. Dona da empresa Hidroluna Materiais para Saneamento, de Santa Catarina, Iriana Kock Tuni carregava um cartaz com os dizeres: “Prefeito, quem sobrevive com 15 meses de atraso no pagamento? Pague a quem deve”.

Ela afirmou que está impedida de cumprir compromissos firmados com outras prefeituras em função da dívida. “Tento marcar uma reunião com o prefeito; ele não me atende. Foi um ato de desespero, minha empresa está parada, o meu faturamento reduziu 50%. […] Posso comprovar através de balanço. Estou desesperada, por que não é só R$ 320 mil. Deixei de fornecer, de participar em outras licitações por causa dos recursos”, protestou em entrevista à emissora.