Ginásio de Esportes foi reformado em 2009 (Foto: Mano Dias/Agecom)

“O governador da Bahia, Jaques Wagner (PT), e o prefeito de Ubatã, Agilson Muniz (PCdoB), inauguraram nesta sexta-feira (03) a reforma completa do Ginásio de Esportes Adailton Assunção da Silva, um investimento de aproximadamente R$ 200 mil”, destacou o Tribunal da Bahia em matéria publicada em julho de 2009.

O cenário, após três anos da reinauguração do Ginásio Municipal, é totalmente diferente. Portões não têm sequer cadeados, telhado cheio de buracos, piso danificado, água cortada há mais de seis meses, alagamento da área interna quando chove, banheiros destruídos e um odor capaz de dar inveja num gambá.

“Em nossa cidade não há quadras públicas, então todas as atividades esportivas do município acabam se concentrando no ginásio”, diz um atleta. “Temos de aprender a cuidar do patrimônio público. Diversas instalações estão atualmente sucateadas”, opina um prefeiturável. Por ora, sujeira, sucata e fedor, em vez de esporte.

Ver Fotos Atuais

ASSESSORIA DIZ QUE FALTA DINHEIRO PARA A REFORMA

A Assessoria de Imprensa da gestão Edson Neves (PSD), contatada pelo Ubatã Notícias, disse que o atual governo já recebeu o Ginásio de Esporte sucateado, e que o município não tem verba suficiente para fazer uma reforma completa. A solução, segundo a Assessoria, é buscar parceria com o Governo do Estado, assim como fez recentemente a Prefeitura de Ipiaú. Que seja, o que não dá é destruir patrimônio em apenas 3 anos em que este passou por uma reforma completa.

Redação Ubatã Notícias