Verba do dia 10 é insuficiente para regularizar folha salarial

A prefeita em exercício Cássia Mascarenhas (PMN) terá mais um abacaxi para descascar, isso porque a alcaide esperava os recursos desta terça-feira (10) para regularizar a folha salarial do município. O problema é que o INSS reteve, somados todos os descontos, mais de R$ 260 mil do FPM do município.

De acordo com o Setor de Finanças da Prefeitura de Ubatã, a folha salarial do município se aproxima de R$ 1,2 milhão. Após a dedução dos recursos e retenção do INSS na verba recebida pelo município nesta terça-feira, restou, agregando todas as verbas recebidas, pouco mais de R$ 180 mil reais nos cofres do executivo municipal.

Há meses a prefeitura vem recorrendo à verba do mês seguinte para equacionar o pagamento de salários do mês anterior. Com a verba é insuficiente para pagar toda a folha salarial do município, os servidores, que já vinham sendo castigado há meses com salários atrasado pela gestão Edson Neves (PSD), devem demonstrar ainda mais insatisfação. Hora de ajustar as contas.

Redação Ubatã Notícias