Quatro pessoas morreram (Fotos: Teixeira Notícias)

Do Bahia Notícias

A polícia de Prado, no sul baiano, realiza buscas nesta quinta-feira (12) para encontrar o autor da chacina ocorrida na periferia do município, na noite desta quarta (11). Quatro pessoas morreram e três ficaram feridas. Após a ação, os criminosos fugiram, mas foram interceptados pela polícia no trevo da rodovia que liga a cidade vizinha de Alcobaça. Houve confronto e o condutor da moto, identificado como “Nildo do Barro”, foi baleado no olho e não resistiu.

O comparsa também foi baleado mas conseguiu fugir a pé por um matagal. A polícia suspeita que eles procuravam Valdinei de Jesus Moreira, de 33 anos, e Luzivaldo Silva, de 39 anos, que foram mortos no local. Os policiais acreditam que as duas vítimas, que moravam em um povoado de São José, na área rural do cidade vizinha de Alcobaça, têm envolvimento com o tráfico de drogas.

Os criminosos ainda mataram o vocalista da banda “A Máquina do Forró”, Elias Saúde de Assis, conhecido como Darzinho, que também estava no bar e era uma pessoa querida na cidade. Na chacina, Eliana Ribeiro Santana, Benedito Jorge dos Santos e Jarbas Miranda da Silva também foram baleados. Eliana e Benedito estão internados no Hospital Municipal de Teixeira de Freitas e não correm risco de morte.

Jarbas, que foi atingido de raspão, já foi liberado. Após o crim no estabelecimento, os bandidos ainda perseguiram Reginaldo dos Santos, de 36 anos, conhecido como Negão, que invadiu uma residência vizinha ao bar para se esconder, mas foi morto com um tiro na cabeça.