Farsa diz que pesquisa foi realizada pelo Governo do Estado em data não “indentificada”

Partidários da candidata Rosana Magalhães (PTB) estão espalhando na rede de relacionamento Facebook resultado de uma pesquisa supostamente realizada pelo Governo do Estado em Ubatã para aferir a preferência do eleitorado. A pesquisa não tem registro do TRE-BA e não há indícios que a candidata autorizou a divulgação.

A Secretaria de Comunicação do Governo (SECOM) garantiu que sequer foi realizada pesquisa em Ubatã a pedido do Governo do Estado. Ainda de acordo com a Secom, a articulação política do governo contratou pesquisas apenas nas 36 principais cidades da Bahia. Ubatã, evidentemente, não estava entre elas.

Na falsa pesquisa, Rosana aparece com 58% dos votos e Expedito Rigaud (PSB) com apenas 19%. Mais curioso ainda é que as pesquisas realizadas pelo Governo são registradas e, por obrigação, tem de ter o nome de todos os candidatos. “Cabe multa à candidata e também a quem divulgar resultados de pesquisas sem registro”, assegurou o advogado eleitoral Carlos Brito. Vamos aguardar!

Redação Ubatã Notícias