Nelsão foi surpreendido…

Do Pimenta da Muqueca

Uma ação conjunta do Ministério Público estadual, Poder Judiciário e Polícia Militar acabou fechando a central e três pontos de jogo do bicho, além da condução de 10 pessoas para a delegacia de polícia de Poções, no sudoeste baiano.

A denúncia recebida pela promotoria informava que o candidato à reeleição, o vereador Nelson Machado Correia, Nelsão, estaria com o comitê eleitoral num ponto de jogo do bicho.

A promotora de Justiça eleitoral, Maria Imaculada Jued, foi investigar e se deparou com o ponto de contravenção. Ela então acionou a promotora de Justiça que atua na área criminal, Juliana Lopes, que desativou o estabelecimento comercial e os pontos vizinhos.

A PM recolheu o material e equipamentos em um caminhão e um carro devido à grande quantidade encontrada. O juiz eleitoral Alersson Mendonça também estava com as promotoras públicas. O magistrado decidirá o futuro da candidatura de “Nelsão”. O acusado não se encontrava na cidade de acordo com informação prestada por seus funcionários. Os detidos prestaram esclarecimento e foram liberados.