PT quer que material de campanha em que aparecem o governador Jaques Wagner, o ex-presidente Lula e a presidenta Dilma Roussef sejam retirados

O Diretório Municipal do PT de Ubatã ajuizou, na última semana, uma Ação na Justiça Eleitoral contra o atual prefeito Edson Neves (PSD) e contra a candidata ao executivo municipal Rosana Magalhães (PTB). O conteúdo da ação diz respeito ao uso indevido de imagens de figurões petistas em peças publicitárias de Neves e Magalhães.

O Partido dos Trabalhadores alega que tanto Rosana quanto Edson Neves pertencem a partidos que não integram a coligação do PT municipal. A Ação diz que o uso de material de campanha por parte dos candidatos desprestigia o PT em Ubatã bem como à candidatura majoritária a qual o partido apoia no município.

A Ação diz ainda as peças publicitárias de Neves e Magalhães, em que aparecem o governador Jaques Wagner (PT), o ex-presidente Lula (PT) e a presidente Dilma Roussef (PT), pretendem confundir e ludibriar os eleitores do município, já que o PT, partido a qual pertence a presidente e o governador, apoia Expedito Rigaud (PSB). O PT pede que as peças sejam retiradas e em caso de descumprimento, os candidatos sejam multados em R$ 10mil. Rosana já apresentou a sua defesa.

Redação Ubatã Notícias