Candidato recorrerá da decisão e pode manter candidatura enquanto recurso for julgado pelo TSE. 

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE-BA) negou provimento, nesta quinta-feira (20), à candidatura de Expedito Rigaud (PSB) à Prefeitura de Ubatã. Rigaud teve a candidatura indeferida em 1ª Instância num Recurso ajuizado pelo Ministério Público Eleitoral (ME) e pela também candidata ao executivo, Rosana Magalhães (PTB).

O Relator do Recurso Eleitoral interposto contra Expedito Rigaud foi o Juiz Josevando Souza Andrade, que emitiu parecer contrário ao deferimento da candidatura de Rigaud, e  não teve o seu voto seguido apenas pelo Desembargador Carlos Alberto Dutra Cintra, vice-presidente do TRE-BA e pelo Juiz Saulo Casali.

Expedito Rigaud teve a candidatura indeferida porque foi vice-prefeito na gestão Agilson Muniz (PCdoB), cassado por suposta compra de voto e abuso de poder econômico. Segundo o advogado eleitoral Frederico Mattos, que representa Rigaud, será interposto um recurso no TSE para reverter a decisão do TRE-BA.

Redação Ubatã Notícias