Reprovação de contas de campanha deve dar dor de cabeça no próximo pleito

Os candidatos e partidos políticos (comitês financeiros) têm até o próximo dia 6 de novembro para prestarem contas à Justiça Eleitoral dos recursos arrecadados e gastos de campanha. Para elaboração das prestações deverá ser usado o Sistema de Prestação de Contas Eleitorais (SPCE-Cadastro versão 1.07). Para agilizar os procedimentos de entrega, a Justiça Eleitoral colocou à disposição uma funcionalidade no Sistema de Prestação de Contas (SPCE) que permite ao prestador encaminhar o arquivo eletrônico por meio da Internet.

Ele deve, contudo, efetuar no prazo a entrega no cartório, da respectiva mídia eletrônica e todas as peças geradas pelo sistema, devidamente assinadas, juntamente com o extrato bancário da movimentação financeira de toda campanha, o comprovante de recolhimento de sobra de campanha, se houver, e os canhotos dos recibos eleitorais utilizados.

O coordenador de Auditoria e Contas Eleitorais e Partidárias, Geomário Lima Silva Filho,  ressalta que a prestação de contas encaminhada pela Internet somente será considerada recebida pela Justiça Eleitoral após a entrega física dos demonstrativos, no horário de atendimento do Cartório Eleitoral, e com a validação do número de controle relativo ao arquivo enviado, oportunidade em que o Juízo Eleitoral emitirá o recibo de entrega, informa o Bahia Notícias.