Wagner cancelou horário de verão semana passada

O horário brasileiro de verão inicia à 0h deste domingo com mudanças em Estados que aderem à medida. O Tocantins entra no lugar da Bahia, que anunciou a saída do horário após uma rejeição de 75% da sua população. De acordo com o Operador Nacional do Sistema (ONS), a economia prevista para este ano é de R$ 280 milhões, mais da metade do que foi economizado no horário de verão passado, R$ 180 milhões.

A economia se dá devido à menor necessidade de acionar usinas térmicas. Adiantam seus relógios em uma hora todos os Estados das regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste, além do Tocantins, o único fora das três regiões. O horário de verão é adotado em função do aumento da demanda por energia nesta época do ano, resultante do calor e do crescimento da produção da indústria com a aproximação do Natal. O ONS avaliou que a economia no Norte e Nordeste é pouco expressiva, e não justifica a participação.