Os cinco filhos do casal foram adotados de forma irregular

Os cinco filhos do casal foram adotados de forma irregular

Do Correio

Previsto para amanhã, o retorno dos cinco filhos da agricultora Silvânia Mota da Silva, adotados de forma irregular por famílias paulistas, tem mobilizado a população de Monte Santo, a 352 quilômetros de Salvador. O horário de chegada não foi divulgado pela Secretaria Nacional de Direitos Humanos (SDH). Há duas semanas, representantes do  Centro de Defesa da Criança e do Adolescente (Cedeca-BA) têm visitado regularmente a cidade.

De acordo com a advogada do Cedeca, Isabela Pinto, que ontem estava na cidade, o trabalho é verificar a estrutura para receber as crianças e preparar a população para acolher as crianças, depois de 18 meses. “Sabemos que as famílias paulistas têm provocado as pessoas na cidade para que criem quase uma perseguição a essas crianças. Estamos aqui para esclarecer que todo esse problema é culpa do Estado e que essas crianças foram vítimas de tráfico de pessoas”, explica Isabela.