Suspensão do Benefício trará sérios problemas às famílias beneficiadas e forte influência negativa no comércio local (Foto: Ubatã Notícias)

Suspensão do Benefício trará sérios problemas às famílias beneficiadas e forte influência negativa no comércio local (Foto: Ubatã Notícias)

Termina nesta segunda-feira (31) o prazo para as famílias beneficiadas pelo Bolsa Família atualizarem os dados do Cadastro Único para Programas Sociais. A revisão é importante para verificar se as famílias mantêm condições para o recebimento do benefício. Em Ubatã, no entanto, a atualização deverá dar pano para manga.

Cerca de 1.800 famílias que recebem o Bolsa ainda não realizaram o recadastramento, e por isso correm sério risco de terem o benefício suspenso em janeiro. Segundo os atuais responsáveis por tocar o programa no município, a instabilidade política causou o transtorno e os beneficiários deverão pagar a conta.

Segundo Ramon Oliveira, próximo gestor do programa já na gestão da prefeita eleita Siméia Queiroz (PSB), a partir de janeiro será feito um grande esforço para que os dados sejam atualizados e a situação seja normalizada o quanto antes. “É provável que o benefício das famílias que não realizaram a atualização seja suspenso, mas a partir de janeiro não mediremos esforços para resolver a situação”, disse Oliveira.

Redação Ubatã Notícias