Equipamentos estavam em caneletas |Reprodução: TV Bahia

Equipamentos estavam em caneletas |Reprodução: TV Bahia

Do Bahia Notícias

A polícia retirou nesta segunda-feira (7) os microfones e microcâmeras encontradas no gabinete do prefeito de Canavieiras, Almir Melo (PMDB). O objetivo é realizar uma perícia nos equipamentos descobertos por funcionários da prefeitura do município do sul baiano no último sábado (5). O sistema de escuta e vídeo clandestinos na sala do gestor recém-empossado estavam na caneleta por onde passam os fios da internet e da TV.

No forro da sala, também foram encontrados equipamentos para monitorar e transmitir áudio e vídeo – todos estavam ligados. “Minha reação foi de espanto. Não acreditava de maneira nenhuma no que estava vendo. Como é que um prefeito poderia fazer isso no gabinete onde seria substituído pelo outro prefeito? Na certa, ele queria acompanhar os passos da nossa administração”, disse o atual alcaide, em entrevista à TV Bahia.

O ex-prefeito da cidade, Zairo Loureiro, adversário político do peemedebista, nega qualquer envolvimento com o caso. “Eu espero que seja apurado, eu tenha minha consciência tranquila, que eu nunca mandei botar câmera nem escuta em tempo real para bisbilhotar a vida de quem quer que seja”, garantiu. Todo o material foi retirado. Um laudo pericial deve ser emitido em 30 dias.