Hugo Chávez lutava contra um câncer avassalador

Hugo Chávez lutava contra um câncer avassalador

Do Bahia Notícias

O governo venezuelano anunciou, no final desta tarde, aos 58 anos, a morte do presidente Hugo Chávez. A informação foi dada pelo vice-presidente Nicolás Maduro, em exibição na TV estatal ao vivo, no Palácio Presidencial de Miraflores. Chávez não havia sido visto em público nem ouvido desde que foi submetido a uma cirurgia em Cuba em 11 de dezembro. O governo venezuelano havia anunciado na noite de segunda-feira (4) que os problemas respiratórios do mandatário pioraram e ele sofria nova infecção respiratória “grave” em um hospital militar de Caracas.  Ele de há muito lutava contra um câncer avassalador, embora sendo tratado em Havana, onde se submeteu a várias cirurgias. O câncer espalhou-se em metástase. Neste final, atacou o seu pulmão esquerdo. O vice-presidente que o substituiu, Nicolas Maduro, anunciou a sua morte tomado pela emoção. A morte de Chávez era aguardada pelo povo venezuelano. O vice-presidente fez um discurso colocando-o na condição de herói da pátria, fazendo uma chamada à paz e dizendo que “estava proibido chorar.” Pediu respeito ao povo e disse mais que nas próximas horas anunciará as medidas que serão tomadas para a cerimônia do velório de Chávez. Terminou o discurso com um grito, emocionado, com um “viva a Hugo Chávez”. O presidente morto era filho de uma família de classe média baixa e aos 17 anos entrou na academia militar. O povo venezuelano está de luto. O líder venezuelano, que fundou o que chamou de república bolivariana, morreu em Caracas.