Gude teve as contas reprovadas em 2009, 2010 e 2011 (Foto: Ubatã Notícias)

Ex-prefeito Gude teve as contas reprovadas pelo TCM em 2009, 2010 e 2011 (Foto: Ubatã Notícias)

O Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) julga, nesta quarta-feira (24), um pedido de reconsideração das contas da Prefeitura de Ibirapitanga referente ao exercício financeiro de 2011, sob a responsabilidade do ex-prefeito Antônio Conceição de Almeida (PSL), o Gude. O relator das contas é o conselheiro José Alfredo Dias.

As contas do ex-gestor foram reprovadas em dezembro de 2012, após o TCM encontrar fartas provas de irregularidades, a exemplo de gasto excessivo com pessoal acima do limite permitido de 54%, compras sem efetiva comprovação de despesas e investimentos aquém do índice determinado com saúde e educação.

Gude é tricampeão em contas rejeitadas pelo TCM. O ex-gestor levou pau nas contas de 2009, 2010 e 2011. Em tempo, o ex-gestor teria as contas de 2010 votadas pela Câmara Municipal de Ibirapitanga nesta segunda-feira (22), mas estas foram retiradas de pauta. Na próxima segunda (29) serão votadas.

Redação Ubatã Notícias