Tatiano chegou a ser preso em janeiro de 2011 (Foto: Ubatã Notícias)

Tatiano chegou a ser preso em janeiro de 2011 (Foto: Ubatã Notícias)

Foi inocentado nesta terça-feira (28), durante realização de Júri Popular no Fórum Clériston Andrade, o ubatense Tatiano dos Santos, de 32 anos, que respondia pela acusação de assassinar, fazendo uso de arma branca, um rapaz conhecido como Quiquiu. A vítima foi assassinada em agosto de 2010, no Bairro Júlio Aderne.

Segundo a denúncia do Ministério Público, Tatiano teria matado Quiquiu por ciúmes de sua enteada. Ele chegou a ser preso em janeiro de 2011 após Mandado de Prisão expedido pela Justiça, mas foi liberado em março do mesmo ano. O acusado, no entanto, negou o crime e acabou sendo inocentado por falta de provas.

Redação Ubatã Notícias