Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Adquirir um produto e passar anos preso às parcelas é um hábito que se torna cada vez mais comum, em um ritmo frenético. Um levantamento divulgado nesta terça-feira (25) pelo Serviço de Proteção ao Credito (SPC Brasil) mostra que, só nos últimos 12 meses, alguns percentuais relativos a compras a prazo nos cartões de crédito quase quadruplicaram.   Enquanto em 2012 apenas 10% dos brasileiros parcelavam móveis em mais de 10 vezes, 11% eletrodomésticos e 10% aparelhos eletrônicos, em 2013, esses valores subiram para 15%, 50% e 47%, respectivamente. Mesmo assim, de acordo com o estudo, 72% dos consumidores não sabem quais são as taxas de juros do crédito rotativo, aplicadas em caso de atraso no pagamento integral da fatura do cartão. Ainda segundo o SPC, 35% dos entrevistados na pesquisa chegam ao final do mês ultrapassando o limite de crédito.