Donadon será o primeiro deputado em exercício a ser preso por determinação do STF desde a Constituição de 1988.

Donadon será o primeiro deputado em exercício a ser preso por determinação do STF desde a Constituição de 1988.

O plenário do Supremo Tribunal Federal (STF) determinou na manhã desta quarta-feira (26) a prisão imediata do deputado federal Natan Donadon PMDB-RO), condenado em 2010 a 13 anos de prisão em regime fechado pelos crimes de peculato (crime praticado por funcionário público contra a administração) e formação de quadrilha. O parlamentar aguardava o julgamento dos recursos em liberdade. Com a decisão, por oito votos a um, Donadon será o primeiro deputado em exercício a ser preso por determinação do STF desde a Constituição de 1988. A Corte entendeu que os recursos apresentados eram meramente protelatórios. Todos os integrantes do STF acompanharam a decisão da relatora do caso, Cármen Lúcia, exceto o ministro Marco Aurélio Mello. (Bahia Notícias)