Audiência
Ubatã FM
Publicidade






Piso da Atenção Básica é reajustado

Ubatã receberá R$ 716.100,00 anuais do PAB (Foto: Ubatã Notícias)

Ubatã receberá R$ 716.100,00 anuais do PAB (Foto: Ubatã Notícias)

A presidente da República, Dilma Rousseff (PT), anunciou, nesta quarta-feira (10), o aumento no valor do Piso de Atenção Básica (PAB). O anúncio foi feito durante a WVI Marcha em Defesa dos Municípios, que aconteceu em Brasília. O aumento foi publicado nesta quinta-feira (11) no Diário Oficial da União (DOU).

De acordo com a CNM, a portaria 1.408/2013 incorpora os recursos financeiros destinados ao financiamento da estratégia Compensação de Especificidades Regionais (CER) à parte fixa PAB. Já a 1.409.2013 define o valor mínimo da parte fixa do PAB para efeito do cálculo do montante a ser transferido.

O Diário Oficial, edição desta quinta-feira (11), traz também os valores anuais e mensais da parte fixa do PAB para os Municípios. Com o aumento, Ubatã receberá R$ 716.100,00 por ano e 59.675,00 mensais. Em tempo, a densidade demográfica e o PIB per capita dos municípios foram utilizados para calcular o aumento.

NOVOS VALORES DO PAB DE OUTROS MUNICÍPIOS

Os municípios da microrregião também tiveram os valores do PAB alterados. Seguem os valores de cada municípios. Apuarema (R$ 207.116,04); Aurelino Leal (R$ 365.652,00); Barra do Rocha (R$ 169.064,04); Gongogi (R$ 224.868,00); Gandu (R$ 862.848,00); Ibirapitanga (R$ 635.124,00); Ibirataia (R$ 502.851,96); Ipiaú (R$ 1.247.064,00); Itagi (R$ 358.539,96); Itagibá (R$ 422.463,96); Jitaúna (R$ 371.840,04); Ubaitaba (R$ 565.992,00). (Ubatã Notícias)

1 resposta para “Piso da Atenção Básica é reajustado”

  • Aristides Sepulveda says:

    ponto positivo para o governo.
    Objetivo: redução folha de pagamento (Educação)
    Analisando a folha de pagamento da Educação, existem cerca de 22 (professores) que já podem se aposentar, ou seja, já adquiriu o período exigido pelo INSS para aposentar, o impacto desses professores na folha de pagamento gira em torno de quase R$ 25.000,00 (vinte e cinco mil) reais mensal, sem falar em conta do 13º salario que terá que ser pago.
    Somados os valores, atingem até dezembro de 2013, chega-se o valor de (+-) R$ 150.000,000 + o 13º salario de 2013= (25.000,00), dá o valor total de quase R$ 175.000,00, que esta Administração poderá cortar, ou seja, o corte irá gerar uma renda extra ao Município de quase 1750.000,00, o que não impacta a folha de pagamento e 13 salario. Aliado ao fato, em um ano, dá para construir uma praça de R$ 400.000,00 e até 2016, 4(quatro) praças.
    Solução: encaminhar os ditos servidores para aposentadoria, mas, muitos desses servidores que podem se aposentar, não estão em sala de aula, e sim ocupando cargos nas escolas, secretaria de educação, dentre outros, daí não querem se aposentar. Caso fossem remanejados para salas de aula, aí, logo buscariam se aposentar.
    É a sugestão.

Deixe seu comentário