Milhares de pessoas tentaram sacar benefício após boato

Milhares de pessoas tentaram sacar benefício após boato

O 3º Juizado Especial Criminal de Brasília arquivou o inquérito criminal instaurado para apurar a autoria do boato sobre o fim do programa Bolsa Família, de acordo com informações divulgadas neste domingo (21) pelo site do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios (TJDFT). Segundo a conclusão da investigação da Polícia Federal, não foram identificados indícios de crime na onda de boatos levou milhares a lotéricas e às agências da Caixa Econômica Federal em maio. Na última quinta (18), no Ceará, a presidente Dilma Rousseff admitiu que “ninguém sabe” qual a origem dos boatos. De acordo com o TJDFT, o arquivamento do inquérito foi pedido pelo Ministério Público e também teve como base as conclusões da investigação da PF. (Bahia Notícias)