Domingão terá de devolver mais de R$ 2,2 milhões

O ex-prefeito de Aurelino Leal, Domingos Marques dos Santos (PDT), teve suas contas rejeitadas pelo Tribunal de Contas dos Municípios, na sessão desta terça-feira (06/05), em razão das inúmeras irregularidades cometidas ao longo do exercício de 2010. Além da determinação de representação ao Ministério Público, o gestor foi multado em R$ 40 mil pelas irregularidades contidas no relatório e em R$ 36 mil, correspondente a 30% dos seus vencimentos anuais. O TCM imputou um ressarcimento aos cofres municipais, com recursos pessoais, no montante de R$ 2.200.002,66, sendo R$ 1.825.259,70 referentes à emissão de cheques sem fundos; despesas com publicidade sem comprovação; ausência dos originais dos processos de pagamento; ausência de comprovação de despesa; pagamento de empenho sem nota fiscal; e ausência de comprovação de pagamento das folhas de pagamento dos servidores, e R$ 374.742,96, relativo às divergências demonstradas no confronto entre as peças contábeis. Em relação as obrigações constitucionais, a administração descumpriu todas, investido aquém do determinado em Educação e Saúde. (Ubatã Notícias)