Publicitário foi usado como escudo por traficante

O publicitário Renato Augusto Oliveira, de 29 anos, foi morto a tiros em Porto Seguro, extremo sul do estado, na tarde de quinta-feira (15). Ele foi sido usado como escudo por Cleiton de Jesus Santana, 27, que também foi baleado, de acordo com testemunhas. Eles estavam em uma barraca de pastel, no bairro do Cambolo. Quatro homens chegaram ao local em duas motos e efetuaram os disparos contra os dois. “O que está sendo ventilado pelas testemunhas, é que na hora ele (Cleiton) abraçou o rapaz e usou como escudo”, informa o titular da 1ª Delegacia de Porto Seguro, Delmar Bittencourt. Segundo o delegado, os moradores também relatam que Cleiton traficava drogas na região, mas ele não tem registro de passagem pela polícia. Renato era formado em publicidade pelo Centro Universitário Jorge Amado (Unijorge), em Salvador, e trabalhava na loja de materiais de construção do pai, localizada no mesmo bairro onde foi baleado. Ele não chegou a ser socorrido e morreu no local. Cleiton foi levado para o Hospital Municipal Luiz Eduardo Magalhães. Ele não tem passagens pela polícia. O crime é investigado pela Polícia Civil da cidade. O sepultamento do corpo de Renato está marcado para a manhã deste sábado (17), em Porto Seguro. (Bahia Notícias)