PM Éder chegou a ser socorrido, mas não resistiu (Foto: Divulgação)

O policial militar Eber Cardoso de Oliveira foi morto a tiros na noite deste domingo (17) durante um atentado no bairro de Cajazeiras, em Salvador. O crime aconteceu por volta das 19h30, na Rua Direta, em frente ao Boteco de Paulinho. O sobrinho do PM, Erivaldo Jorge Pereira Júnior, 24, e o afilhado, Igor Barroso dos Santos Vital, 18, também ficaram feridos. Segundo a Central de Polícia, o policial estava do lado de fora do carro em frente ao bar quando foi abordado por um homem armado em um moto que já chegou atirando. Eber reagiu e fez disparos na direção do bandido, mas acabou sendo atingido por um dos disparos. Ele chegou a ser socorrido para o Hospital ProHope, antigo Jaar Andrade, mas não resistiu aos ferimentos e morreu ao dar entrada na emergência. Igor foi atingido na mão, medicado, mas já recebeu alta médica. Erivaldo foi baleado no braço, sofreu uma fratura e permanece internado. O suspeito ainda não foi identificado. A autoria e a motivação dos crimes estão sendo investigadas pelo Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP). (Correio)