Estatística foi divulgada pelo IBGE nesta sexta-feira (Foto: Divulgação)

O desemprego no Brasil chegou a 11,3% no trimestre encerrado em junho, segundo estatísticas divulgadas pelo IBGE nesta sexta-feira (29). Esta é a maior marca já registrada pela Pnad Contínua, que teve início em janeiro de 2012. O índice apresentou um pequeno crescimento em relação aos levantamentos anteriores. Nos trimestres encerrados em maio e em abril, a taxa ficou em 11,2%. No trimestre encerrado em março, a porcentagem foi de 10,9%. A população desocupada  chegou a 11,6 milhões, o que representa um aumento de 38,7% em relação ao segundo trimestre do ano passado. A população ocupada foi estimada em 90,8 milhões de pessoas. Nesse quesito houve estabilidade na comparação com os últimos meses, mas em relação ao período entre abril e junho de 2015, houve queda de 1,5%. (Bahia Notícias)