Agentes da PF e CGU estiveram na Prefeitura (Foto: Ubatã Notícias)

Agentes da Polícia Federal e da Controladoria Geral da União (CGU) deflagraram, na manhã desta terça-feira (06), as Operações Sombra e Escuridão e Elymas Magus, que cumpriram 13 mandados de prisão preventiva e 50 mandados de busca em diversas cidades baianas, a exemplo de Aurelino Leal, Camamu, Ibirapitanga, Igrapiúna, Ibirataia, Gongogi, Itabuna, Santo Antônio de Jesus, Ilhéus, Itagibá, Itabela, Itabuna, Ituberá, Santo Antônio de Jesus, Ubaitaba e Ubatã.

Agentes também colheram informações na Prefeitura de Itabuna (Foto: Divulgação)

Em Ubatã, os agentes realizaram mandado de busca e apreensão de documentos relacionados a duas licitações realizadas em 2013 e 2015, de locação de veículo, inclusive transporte escolar. As investigações referentes à Operação Sombra e Escuridão tiveram início há pouco mais de um ano, a partir de suspeitas envolvendo os sócios de duas empresas sediadas em Igrapiúna, que apesar de terem contratos de obras, locação de veículos e transporte escolar, eram também beneficiários do programa Bolsa Família, do Governo Federal.

PF foi a vários municípios, a exemplo de Ipiaú (Foto: Giro em Ipiaú)

Através dos levantamentos realizados com o apoio do Tribunal de Contas dos Municípios do Estado da Bahia – TCM/BA e também da Controladoria Geral da União – CGU, segundo a PF, foi possível comprovar que essas empresas não possuíam a mínima capacidade para a execução dos serviços e obras contratadas, os quais eram terceirizados mediante a cobrança de um percentual sobre o valor pago pelas prefeituras. Foi possível identificar, segundo a apuração da PF, também, que uma outra organização criminosa, com liderança e integrantes diversos, agia em conluio com a primeira, para, da mesma forma, fraudar licitações em prefeituras do interior do Estado. (Ubatã Notícias)

NOTA DA PREFEITURA DE UBATÃ

Nas primeiras horas da manhã desta terça-feira a Prefeitura de Ubatã recebeu agentes da Polícia Federal  e da Controladoria Geral da União (CGU) responsáveis por apurar suposta conduta irregular por parte de uma empresa que presta serviço a Ubatã, Ibirapitanga, Ubaitaba, Itabuna, Santo Antônio de Jesus, Aurelino Leal, Camamu, Igrapiúna, Ilhéus, Itabuna, Ipiaú e também a outros municípios. A Prefeitura de Ubatã informa que está colaborando totalmente com a apuração da PF, colocando à disposição documentos e quaisquer informações de interesse das investigações. A Prefeitura ressalta ainda o compromisso com a transparência, respeito e responsabilidade com a coisa pública. (Prefeitura de Ubatã)