Pais ‘interditam’ a escola em protesto por diretora (Foto: Divulgação)

Dezenas de pais ‘interditam’, desde a última segunda-feira (11), uma escola da rede municipal de educação localizada no Assentamento Santa Irene, região do município de Gongogi. Os manifestantes pedem a saída imediata da Diretora da Unidade Escolar, que é esposa de um vereador do município. Segundo apurou o Ubatã Notícias, a diretora estaria supostamente se envolvendo de forma indevida e fazendo comentários negativos sobre o assentamento. O UN tentou contato com a Diretora, mas não obteve sucesso.

Manifestantes colocaram cartazes em protesto (Foto: Divulgação)

Nesta quinta-feira (14) o presidente da Câmara Municipal de Gongogi, Adriano Santos, esteve na escola da Santa Irene, conversou com os pais de alunos e ouviu as reclamações. O vereador já havia criticado a situação na sessão da última terça-feira (12) e criticou o prefeito Kaçulo, a quem acusou de se eximir da situação. Por ora, não há informações a Secretaria de Educação atenderá a solicitação da comunidade e fará a troca na direção da Unidade Escolar. Por ora, alunos sem aula. (Ubatã Notícias)