“Barriga” é acusado de matar o rival conhecido como “Belisco” (Foto; PC-BA)

Ramilton Souza Santana, o “Barriga”, teve o mandado de prisão preventiva cumprido por policiais da Delegacia de Homicídios de Itabuna (DH/Itabuna), nesta terça-feira (16), naquela cidade. Ele é acusado de ser um dos autores do homicídio de George Costa Alves dos Santos, o “Belisco”, e da tentativa de Enock Ferreira dos Santos. O crime aconteceu em setembro de 2018, no conjunto habitacional Pedro Fontes l, em Itabuna. Conforme as investigações, Ramilton agiu na companhia de um adolescente, que já se encontra apreendido. A ação criminosa foi motivada pela disputa entre grupos rivais da região, em que Ramilton integrava um deles. Ele segue preso à disposição da Justiça. (Pimenta)