O município de Ubatã receberá R$ 1.113.675,99 (Foto: Ubatã Notícias)

A rodada de licitações dos excedentes da cessão onerosa que ocorreu nesta quarta-feira (06) arrecadou bem menos que o previsto. Foram arrecadados R$ 69,960 bilhões em bônus de assinatura, bem abaixo dos R$ 106,56 bilhões que estavam previstos. Das 4 áreas oferecidas na Rodada de Licitações do Excedente da Cessão Onerosa, duas foram arrematadas e duas não atraíram interessados. Se todos os blocos fossem arrematados. A ANP já tinha admitido a possibilidade de nem todas as 4 áreas atraírem interessados, destacando que isso é comum em leilões do setor. A expectativa inicial é que o município de Ubatã recebesse, segundo a Confederação Nacional dos Municípios (CNM), R$ 2.291.861,40. Com a realização da licitação, o valor foi revisto e cairá praticamente pela metade. Agora Ubatã receberá R$ 1.113.675,99. Conforme o Secretário de Administração, Expedito Rigaud, o valor será investido integralmente em obras no município.

VALORES DOS MUNICÍPIOS DO TERRITÓRIO MÉDIO RIO DE CONTAS

Com a revisão, os novos valores que os municípios que compõem o Território Médio do Rio serão os seguintes: Aiquara R$ 477.289,71; Apuarema R$ 477.289,71; Barra do Rocha R$ 477.289,71; Boa Nova R$ 795.482,85; Dário Meira R$ 636.386,28; Gongogi R$ 477.289,71; Ibirataia R$ 954.579,42; Ipiaú R$ 1.590.965,71; Itagi R$ 636.386,28; Itagibá R$ 795.482,85; Itamari R$ 477.289,71; Jequié R$ 4.960.350,05; Jitaúna R$ 636.386,28; Manoel Vitorino R$ 795.482,85; Nova Ibiá R$ 477.289,71; e Ubatã R$ R$ 1.113.675,99. Ainda na região, Ibirapitanga receberá R$ 1.113.675,99; Gongogi R$ 477.289,71; Aurelino Leal R$ 636.386,28; e Ubaitaba R$ 954.579,42. (Ubatã Notícias)