O Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA) firmou mais uma parceria com o propósito de alavancar o percentual dos 242 municípios em fase de revisão biométrica extraordinária (obrigatória). Dessa vez, o acordo foi estabelecido com a Companhia de Eletricidade do Estado da Bahia (Coelba). O prazo para atender a convocação da Justiça Eleitoral encerrará em 18 de fevereiro de 2020. O eleitor que tiver o título cancelado não poderá votar nas próximas eleições. Conforme o acordo estabelecido, a Coelba veiculará na conta de energia elétrica mensagens sobre o procedimento convocatório e as possíveis formas de atendimento. O informe trará ainda um alerta sobre os possíveis transtornos aos que deixarem de realizar o recadastramento, além do endereço do site do TRE-BA, para eventuais dúvidas. Na avaliação do presidente do Regional baiano, desembargador Jatahy Júnior, parcerias como essas só engrandecem e fortalecem ainda mais o trabalho que vem sendo realizado pelo TRE da Bahia, com o intuito de evitar longas filas e o desgaste do cidadão. “Contamos com a colaboração e a sensibilização de empresas e de órgãos públicos para que possamos alcançar a meta estabelecida pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Nosso objetivo é atender ao eleitor com conforto e segurança, evitando as filas de última hora e o cancelamento dos títulos”.  Leia mais