Balanço negativo na geração de caixa da OI (Foto: Divulgação)

A geração de caixa operacional da OI com clientes continua a encolher enquanto a tele busca uma saída para sobreviver. De acordo com um relatório da sua recuperação judicial com números atualizados até agosto, divulgado a receita com clientes caiu 12,7% na comparação anual. O valor passou de R$ 1,731 bilhão para R$ 1,511 bilhão. A administração da operadora informou que o declínio tem a ver com uma menor arrecadação da área de pós-pago. Em relação a julho de 2019, a menor arrecadação também teve a contribuição do menor número de dias (de 23 para 22). Os recebimentos totais da Oi no mês ficaram em R$ 1,991 bilhão, queda de R$ 378 milhões em comparação com o mês anterior. Com pagamentos no valor de R$ 1,577 bilhão e investimentos de R$ 656 milhões, a Oi terminou agosto com uma geração de caixa negativa de R$ 242 milhões. Com isso, o caixa final da Oi estava em R$ 3,083 bilhões no final de agosto. Leia mais