Policiais federais durante operação  — Foto: Walter Paparazzo/G1

Uma operação nacional deflagrada nesta sexta-feira (29) para desarticular organização criminosa que praticava sonegação tributária na fabricação e comercialização de cigarros, além de crimes contra a administração pública, cumpre um mandado de busca e apreensão em Salvador. Outros 30 mandados foram para São Paulo (capital), São José do Rio Preto, Recife, Rio de Janeiro e também em Brasília. A ação é executada pela Polícia Federal, Ministério Público Federal (MPF) e Receita Federal do Brasil (RFB). Ainda não há informações sobre o endereço na capital baiana onde o mandado foi cumprido. A operação Apate investiga a organização criminosa composta por advogados, contadores, operadores financeiros, doleiros, lobistas e ex-funcionários públicos, que prestam serviços ilícitos a diversas empresas nas esferas administrativa e judicial. Leia mais