Polícia encontra corpo que pode ser de menino morto pelo paí

O corpo de uma criança foi encontrado na quinta-feira (5), na zona rual de Palmeiras, município da Chapada Diamantina, na Bahia. A Polícia Civil da região suspeita que trata-se de Bernardo da Silva Marques Osório, a criança de 1 ano e 11 meses que foi morta pelo pai, Paulo Roberto de Caldas Osório, no Distrito Federal (lembrar). De acordo com a Polícia Civil, o corpo foi achado com roupa e um cordãozinho de âmbar no pescoço, características destacada pela família à polícia.Uma cadeirinha para transporte de crianças nos carros, também foi encontrada. A polícia detalhou que o corpo foi achado na localidade chamada Barreiro, pertencente ao Povoado Campos de São João, no município de Palmeiras. Apesar das evidências, a polícia destaca que só pode confirmar que trata-se de Bernardo quando o corpo passar por exame de DNA para identificação. O corpo será encaminhado para o Departamento de Polícia Técnica de Itaberaba, na região, para a realização dos exames de identificação. O pai da criança, o funcionário do Metrô do Distrito Federal, Paulo Roberto, confessou ter matado o filho. Para a Polícia Civil ele disse que jogou corpo da criança em uma área de matagal à beira de uma rodovia. Apesar dele ter informado que seria a BR-020, na Bahia – a mais de 400 quilômetros de Brasília. Após a prisão, na madrugada de segunda-feira (2), em um hotel de Alagoinhas, na Bahia, o homem confessou o crime. (Pimenta)