Dida já tinha sido preso em 2017 por pedofilia (Foto: Divulgação)

O principal suspeito do sequestro de uma criança em Itabuna, na noite de 27 de fevereiro, foi baleado em uma troca de tiros com a polícia, no bairro Hernani Sá, em Ilhéus, na noite desta quinta-feira (5). Francisco José dos Santos, o “Dida”, foi levado para o hospital em Ilhéus, onde estaria internado.  A criança teria se assustado com a situação e fugiu. Ela foi encontrada por moradores do bairro e entregue a familiares. Luan irá passar por exames de corpo e delito no Departamento de Polícia Técnica de Ilhéus. A polícia acusa Francisco José após analisar as imagens de câmeras de segurança de um prédio na região do bairro Jardim Vitória. Um homem, que seria o suspeito, aparece nas filmagens junto com a criança em três momentos. De acordo com a polícia, Francisco José já foi preso em 2017, acusado de estupro de vulnerável, sequestro, cárcere privado e exploração de trabalho infantil. (Pimenta)