Deputado federal Alexandre Frota (PSDB) (Foto: Divulgação)

Um pedido de impeachment contra o presidente da República Jair Bolsonaro foi protocolado nesta quinta-feira (19) pelo deputado federal Alexandre Frota (PSDB). No documento, o parlamentar acusa o presidente crimes de responsabilidade, pela convocação de manifestação contra o Congresso; contra a segurança nacional, por incitação e chamamento a manifestação contra a Constituição; contra a administração pública, pela exclusão do jornal Folha de S. Paulo de evento público; pelo descumprimento do decoro do cargo; contra a administração pública ao atacar as jornalistas Patrícia Campos e Vera Magalhães; e contra a saúde pública, por ter cumprimentado manifestantes na frente do Palácio do Planalto no último domingo (15). “Tantas declarações agressivas põem em risco a democracia, pois junto a elas vêm retaliações”, escreveu o deputado, ex-aliado de Bolsonaro. De acordo com reportagem do portal Metrópoles, Frota afirmou que pediria o impeachment de Bolsonaro no início do mês. O anúncio aconteceu após o presidente compartilhar no WhatsApp um vídeo convocando para as manifestações do último domingo (15). Junto às imagens, Bolsonaro escreveu: “O Brasil é nosso. Não dos políticos de sempre”. (Bahia Notícias)