José Pinheiro era casado, deixa duas filhas e netos (Foto: Divulgação)

Um trabalhador rural foi morto a tiros na cidade de Bom Jesus da Lapa, oeste da Bahia. O crime aconteceu na tarde do sábado (15), enquanto a vítima colhia bananas com outros trabalhadores. O suspeito é um policial militar, que estava de carona com um amigo, no momento do crime. Durante a colheita, o caminhão com as bananas estava atravessado no meio de uma pista vicinal, quando uma caminhonete parou. No veículo, estavam o PM, que era carona, e um amigo. O policial desceu do carro com a arma em punho, atirando pro alto, e quando José Pinheiro dos Santos, de 51 anos, foi avisar ao motorista do caminhão para retirar o veículo da pista, foi atingido com um tiro nas costas. O trabalhador morreu na hora e o suspeito fugiu do local. Na noite do domingo (16), durante protesto, a população ateou fogo em posto da Polícia Militar. Segundo informações da polícia, o policial militar deve se apresentar a delegacia para prestar depoimento. José Pinheiro dos Santos era casado, deixa duas filhas e netos. (G1)