Garoto foi feito refém em casa que fica em Vilas do Atlântico, em Lauro de Freitas

Os dois homens suspeitos de ataques a banco na Bahia, que foram presos após fazerem um garoto refém, comemoravam o réveillon em casa de luxo, em Lauro de Freitas, região metropolitana de Salvador, quando foram surpreendidos pela polícia. Três homens que estavam no imóvel tinham mandado de prisão expedidos por causa dos crimes, e foram presos. Além deles, outros três suspeitos que estavam no imóvel foram levados para a delegacia para averiguação. De acordo com a Secretaria da Segurança Pública (SSP), os suspeitos estavam numa festa com cerca de nove mulheres, drogas e muita bebida alcoólica. Com a chegada dos policiais, dois suspeitos pularam o muro e invadiram a casa vizinha. Com a ação dos agentes do Centro de Operações Especiais (COE) da Polícia Civil, os assaltantes acabaram se rendendo. O garoto não ficou ferido. Durante as investigações na casa onde os suspeitos estavam, foi encontrada também uma porção de maconha. Ao todo, seis pessoas foram conduzidas e apresentadas na sede do Departamento de Repressão e Combate ao Crime Organizado (Draco), em Salvador. A polícia investiga se todo o grupo é suspeito dos ataques às agências bancárias. *Ler mais.