A nossa redação apurou que dificilmente, repita-se, dificilmente, haverá a audiência hoje (03) que definirá o retorno de Agilson Muniz ou a permanência de Edson Neves a frente do executivo municipal.

O ex-prefeito Agilson Muniz teve o mandato cassado no dia 06 de maio do ano passado, ou seja, há quase um ano. Desde então a cidade vem sendo governada por Edson Neves. No entanto, como o TRE ainda não julgou o caso, a instabilidade política toma conta de Ubatã.

Assim que houver uma definição a respeito do caso, o UN divulgará em primeira mão.

Redação Ubatã Notícias