Havia uma expectativa que houvesse ontem (02) a audiência que definiria a permanência de Edson Neves ou o retorno de Agilson Muniz ao executivo municipal. No entanto, mais uma vez, o TRE não julgou o processo.

Assim, a situação continua indefinida. O UN buscará mais informações a respeito do processo, e quando houve alguma definição, publicaremos.

Redação Ubatã Notícias